terça-feira, 20 de junho de 2017

Sua Inocência.


'' E desde aquele dia a menina se calou. 

Suas risadas ficaram contidas. 

Seus olhos sem brilho. 

Seu corpo intocável. 

Seu coração fora trancado pra sempre.

Não haviam mais bonecas espalhadas pela casa. 

E da janela ela esperava ser salva. 

Mais ninguém vinha. 

Ela queria gritar : Me salve !!! 

Mais a voz não saia. 

Ela estava sozinha. 

E sozinha levou a vida. 

Ninguém sabe o que aquela menina carrega dentro do peito. 

Ninguém sabe as dores que aquela menina tem ( teve ) em seu corpo. 

Aquela menina nunca cresceu. 

Ela ainda espera alguém que a salve. 

Alguém que a faça mulher. 

Que a entenda. 

Ninguém sabe, mais aquela menina foi roubada. 

Lhe roubaram sua maior riqueza : Sua Inocência. '' 

 Meus dramas Mexicanos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...