domingo, 5 de fevereiro de 2017

E fala baixo.


Àquele a quem falares, olha-o nos olhos.
E não lhe atropeles o discurso. 

Ouve-o com atenção
e responde, ou contrapõe, apenas quando sentires
que começam a faltar-lhe as palavras, nesse preciso
momento em que lhe surge o embaraço
ou lhe escapam argumentos sérios.
Então, responde. 

Expõe. Rectifica. Seduz.
As palavras são boas. 

As palavras são belas.
As palavras são precisas.
As palavras são indispensáveis.
As palavras são as moedas da inteligência.
Não as gastes mal. 

Pronuncia-as devagar.
E fala baixo.

Joaquim Pessoa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...