domingo, 21 de agosto de 2016

"gente é que nem chita, uns acham feia, outros bonita!"


Agradar?

Deus nos livre dessa audácia...desse privilégio, nem Ele desfruta...

Agradar não...basta não se entregar.

Basta incomodar, basta se atrever, basta tá vivo.

E nesse interlúdio, nessa correria, nessa estrepolia...

Um ou outro a gente encanta...

Um ou outro se amansa...

Um ou outro entra na dança...

Querer agradar né coisa que preste não menino!

É murro em ponta de faca.

É birra de moleque, choradeira de fedelho...basta te olhar no espelho.

Mas olha com olho de paz..sem a culpa do julgamento alheio.

Olha se fazendo bem...pondo amor na nota.

Foi azul não foi?

Passou com folga nessa prova!

Quer saber, entrega a Deus e segue reto. Lembra que a vó dizia?

- "gente é que nem chita, uns acham feia, outros bonita!" 

E é mesmo...gente é que nem chita...por dentro e por fora, frente e verso, de alto a baixo...

Ô sabedoria bendita!

Agradar? Como objetivo de vida?

Esquece, daí tinha que tudo igualar...enlatar, perfilar, robotizar.

E dessa graça, desse doce sem explicação de tão bom que é a liberdade...desse mimo generoso de Deus...

Nunca mais se lembrar.

Tô fora.

Gi Stadnicki.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...