sexta-feira, 17 de junho de 2016

Eu tenho o sagrado direito a não estar disposta!


Eu tenho o sagrado direito de não estar disposta,

de não querer mais do mesmo,

de não atender aquele telefonema

que nada mais deseja que saber da minha vida pessoal.

Eu tenho o sagrado direito a não estar disposta!

A dizer aos meus amigos que estou "dando uma morrida" para continuar viva.

Eu posso acordar pensando diferente e,

às vezes, não conseguindo pensar em nada.

Eu posso me ter!


Cláudia Dornelles

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...