sexta-feira, 11 de dezembro de 2015

E que permaneça a gratidão, sempre e em todo lugar...


Que minha gratidão seja maior que meu ressentimento diante das adversidades.

Que meu espírito saiba reconhecer os presentes por trás da rotina, e que na correria do dia a dia eu ainda possa me encantar diante dos pequenos gestos.

Que eu esteja grato desde o primeiro espreguiçar da manhã, e que possa entender os desfechos do meu dia com serenidade ao cerrar os olhos.

Que o meu semblante carregue não somente o pesar pelos infortúnios diários, mas que encontre motivos para sorrir ao primeiro vestígio de benevolência e paz.

Que haja fé, apesar das tempestades.

Que haja serenidade, apesar das turbulências.

Que haja gentileza, apesar dos tropeços.

E que permaneça a gratidão, sempre e em todo lugar...


Fabíola Simões

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...