quinta-feira, 5 de novembro de 2015

Apagando a luz...


"Sempre amei o pouco que tive.

Valorizei o simples. Agradeci.

Sempre gostei de enxergar o futuro com olhos de fé.

E me agarrar ao presente com toda a força para lutar.

Sempre respeitei minhas raízes,

Sempre abracei com amor o passado de onde vim.

Sempre me achei ricamente abençoada e amada.

O pão de cada dia, as poucas bonecas de minha infância,

As gotas de chuva que esfriavam o chão,

A água que matava a sede nos dias quentes,

Os risos, os olhares de proteção da família e amigos leais.

Sempre abri os olhos, a cada amanhecer,

Grata por ter ganhado mais um dia.

Sempre fechei os olhos, a cada anoitecer,

Feliz por ter desfrutado tantas dádivas.

E oro para que nem o tempo nem nada mude meu coração,

E até meu último suspiro, seja de gratidão."

[Rachel Carvalho]

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...