quinta-feira, 24 de setembro de 2015

Quem faz um poema abre uma porta.


Quem faz um poema abre uma porta. 

Respira, tu que estás numa cela abafada, esse ar que entra por ela. 

Por isso é que os poemas têm ritmo - para que possas profundamente respirar. 

Quem faz um poema salva um afogado. 


Mário Quintana

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...